Folha de Búzios

Jornalismo como deve ser

Geral

Fiscalização do Creci-RJ realiza autuações pelo exercício ilegal da profissão em Búzios

Nesta quarta-feira (21), a Fiscalização do Creci-RJ realizou uma operação em Búzios que contou com a participação de quatro fiscais do Conselho para averiguar denúncias recebidas de corretores locais e da própria população.

Os fiscais foram até os locais indicados para verificar os procedimentos. Foram registradas três autuações pelo exercício ilegal da profissão, sendo dois porteiros e uma gerente de banco. Nessa mesma localidade, há três semanas, a Fiscalização do Creci-RJ já havia cumprido outra operação também devido à denúncias. Na ocasião foram autuadas nove pessoas também pelo exercício ilegal da profissão.

A Fiscalização é o setor do Creci-RJ em que, através de operações, realiza combate a atuação ilegal da profissão e outras irregularidades praticadas pelos profissionais e empresas a fim de garantir que todo o funcionamento no mercado imobiliário esteja de acordo com a legislação inerente à categoria. O Conselho atua para oferecer mais segurança às negociações imobiliárias, proteção e valorização aos profissionais que estão devidamente registrados no Conselho.

Para que esse trabalho possa alcançar cada vez mais êxito, é fundamental que a sociedade e os próprios corretores de imóveis denunciem as práticas ilegais. O Creci-RJ disponibiliza diversos canais para encaminhamento de denúncias:
Portal: www.creci-rj.gov.br, link Apresentação de Denúncias
Tel: (21) 3514-1835/ (21) 3514-1836
E-mail:fiscalizacao@creci-rj.gov.br
Whatsapp: (21) 99103-2133.

“Entendo que esse é o trabalho mais importante realizado pelo Creci-RJ, que é o de combater o exercício ilegal e também o de esclarecer à sociedade de sempre procurar um corretor de imóveis, devidamente registrado no Conselho para evitar golpes na aquisição imobiliária”, comentou o presidente do Creci-RJ, Manoel da Silveira Maia.

É importante destacar que todos os protocolos de saúde estão sendo cumpridos pelos fiscais do Conselho, como o uso de máscara, utilização do álcool gel para higienizar as mãos e também o respeito ao distanciamento social.

Da redação.

%d blogueiros gostam disto: