Folha de Búzios

Jornalismo como deve ser

Saúde | Educação

Crianças conscientizam adultos sobre pandemia de coronavírus: ‘a gente não pode viajar, ir no parquinho… tem que ficar em casa’

Pequenos da Região dos Lagos do Rio mostram que sabem tudo sobre prevenção da Covid-19. Em contrapartida, adultos continuam desrespeitando as orientações e indo às praias.

Muitas crianças estão em casa depois que as aulas foram suspensas por conta da pandemia de coronavírus.

Na Região dos Lagos do Rio, a criançada está afiada sobre como agir para evitar contágio pelo vírus, ao contrário de muitos adultos que, apesar das orientações para ficar em casa, continuam indo para as praias.

Esther de Carvalho, de 4 anos, é moradora de Rio das Ostras e mostrou que sabe tudo sobre o que deve ser feito nesse período de quarentena para evitar que novas pessoas sejam contaminadas.

“Pessoal, o coronavírus é muito perigoso, então a gente tem que se cuidar. Lavar as mãos, passar álcool. A gente não pode viajar, ir no parquinho… a gente não pode ir lá no avião passear, e também não pode passear de carro, então a gente tem que ficar em casa. Pessoal, tchau, beijinho”, disse Esther em um vídeo.

Além da Esther, quem também está conscientizando os adultos é o Calebe Castro, de 2 anos e 2 meses, que mora em Iguaba Grande.

Calebe Castro, de 2 anos, segura cartaz pedindo que pessoas fiquem em casa durante o período de quarentena — Foto: Emiliana Moraes/Arquivo pessoal
Calebe Castro, de 2 anos, segura cartaz pedindo que pessoas fiquem em casa durante o período de quarentena — Foto: Emiliana Moraes/Arquivo pessoal

A mãe do Calebe, Emiliana Moraes, postou nas redes sociais uma foto do filho com um cartaz com um pedido: Fique em casa.

Calebe tem Síndrome de Down e tem a imunidade comprometida, por isso, Emiliana tem o cuidado redobrado com o filho.

Para os pais, é um desafio buscar atividades para manter a criançada em casa sem que a experiência seja tediosa. Pensando nisso, uma escritora de Cabo Frio desenvolveu um projeto para contar histórias para a criançada todos os dias às 17h pela internet. A escritora Jaqueline Brum disse ao G1 que vai manter o projeto durante todo o período de quarentena.

Fonte: G1

%d blogueiros gostam disto: