Folha de Búzios

Jornalismo como deve ser

Saúde | Educação

Campanha de vacinação contra o sarampo tem segunda fase em todo o país com foco em jovens adultos

Campanha de vacinação foi intensificada para frear doença que é altamente contagiosa. Em São Paulo, a prefeitura orienta que todas as pessoas entre 15 e 29 anos tomem a vacina, mesmo que já tenha recebido a dupla imunização.Jovens de 20 a 29 anos poderão se vacinar contra o sarampo a partir desta segunda-feira (18) em centros de saúde de todo o país. Esta é a segunda etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a doença que já teve neste ano 10.429 casos, dados foram divulgados em 7 de novembro, no mais recente boletim do Ministério da Saúde, São Paulo representa 90,5% de todas as infecções.
Quem deve tomar a vacina contra o sarampo?
Quem ainda não tomou as duas doses da vacina na infância e na adolescênciaQuem não tem certeza se já tomou as duas doses deve tomar uma dose extraEm São Paulo, área que viveu surto recente da doença, a prefeitura orientou que todas as pessoas entre 15 e 29 anos tomassem a vacina, mesmo que já tinham recebido as duas doses.
Para quem a vacina é contraindicada?As pessoas que se encaixem em um dos perfis abaixo devem consultar seu médico antes de tomar a vacina:
GestantesPessoas com baixa imunidade ou gripadasPacientes em tratamento contra o câncerPacientes portadores de doenças que derrubam o sistema imunológico, como a AidsCrianças com menos de um anoO calendário da vacinação indica que o período ideal para aplicar a primeira dose é aos 12 meses de idade. A vacina tem menor eficácia antes dessa idade, mas os pais bebês com menos de 12 meses que farão viagens a locais considerados de risco devem procurar um pediatra para avaliar se é indicado fazer a imunização.
Jovens de 15 a 29 anosSegundo os especialistas e as autoridades, pessoas de todas as faixas etárias precisam ter as duas doses da vacina, mas o foco das campanhas atuais são os jovens de 15 a 29 anos porque são o grupo populacional com maior probabilidade de não terem recebido uma das duas doses.
Brasil não registrava mortes por sarampo desde 1999Doença altamente contagiosaO sarampo é uma doença altamente contagiosa que pode evoluir para complicações e levar à morte;Os principais sintomas são febre, manchas avermelhadas na pele do rosto e tosse persistente;A prevenção da doença é feita por meio da vacinação, e os especialistas reforçam que não há relação entre a vacina e o autismo.
Vacina em duas dosesPara ter proteção contra o sarampo, é necessário ter tomado duas doses da vacina a partir do primeiro ano de vida, alerta a infectologista Suzi Berbert.
A prática mais comum hoje é vacinar as crianças pela primeira vez aos 12 meses e voltar para a segunda dose já aos 15 meses. A vacina tríplice viral, que protege contra sarampo, caxumba e rubéola, é oferecida gratuitamente durante todo o ano pelo Sistema Único de Saúde (SUS).
No passado recente, porém, a prática era que a primeira dose fosse aplicada aos 12 meses e a segunda só depois dos 15 anos de idade.

*Com informações do G1

%d blogueiros gostam disto: