Folha de Búzios

Jornalismo como deve ser

Cultura Programação

Privillège Búzios comemora 15 anos

Uma grande festa promete movimentar o balneário fluminense no dia 23 de março, com D-nox e Barja na cabine.

Hoje como é um dia muito especial terá um Welcome Drink Chandon, para convidados abrilhantando ainda mais a noite que promete.

Era véspera de um verão, quando os bons ventos sopraram entre as montanhas de Minas apontando um novo caminho. Distâncias foram vencidas em uma rota traçada pelo destino rumo ao litoral. ‘Terra à vista!’: e que terra paradisíaca. O mesmo visual que outrora encantou – e encanta até hoje – Brigitte Bardot e tantos outros se tornou o cenário perfeito para uma nova casa. A energia de Búzios se encontrou com a magia do mundo Privilège. A vida quis que naquele momento um novo universo ganhasse vida em um único propósito: fazer pessoas felizes!

“Chegamos lá em outubro e inauguramos em dezembro. Nos encantamos rapidamente por Búzios e começamos a fazer história logo no primeiro verão’, lembra o diretor, Iuri Girardi. Em 27 de dezembro de 2003, o Privilège Búzios abre as portas pela primeira vez ao público. Quem diria que, em tão pouco tempo, uma charmosa construção feita para abrigar um restaurante e uma galeria de arte de frente para a praia da Armação se tornaria um club que ajudaria a consolidar a cena eletrônica brasileira.

Para vocês verem como as coisas acontecem, né? Quando inauguramos o club de Juiz de Fora, não havia intenção de se levar a marca para Búzios. Mas o projeto de JF foi tão grandioso que já criou eco no Rio de Janeiro, onde tínhamos muito pouco contato até então. É sempre bom lembrar que não havia internet.’, completa o diretor, Octavio Fagundes.

Nomes de repercussão nacional e mundial começaram a ter Búzios como parada obrigatória em suas tours. Pete Tong, Carl Cox, Felix da House Cat, Mauro Picotto, Steve Angello, Nic Fanciulli, Infected Mushroom, Layo & Buschawka e Sven Vath são alguns dos nomes internacionais que já nos primeiros instantes do club consagraram noites históricas. Entre os brasileiros, encontramos: Dj Meme, Gui Boratto, Carlo Dall Anese, Victor Mora e muitos outros, que se encontraram com talentos regionais para consolidar um cenário consistente.

“Nesta época, começamos, por intermédio do Carlo Dall Anese [residente do Sirena, na época] e da Patrícia Teixeira, a fazer uma dupla para contratar DJs grandes. Os caras traziam um DJ para um club de três ou quatro mil pessoas em São Paulo e a gente, para um de mil. O Privilège Búzios ganhou muita notoriedade com isso e passou a ser um dos clubs do Brasil onde todo DJ gostaria de tocar. A gente trazia muitos ‘tops’ com essa parceria e fizemos noites históricas em Búzios’, conclui Iuri.

 

EM 15 ANOS DE HISTÓRIA

Segundo Iuri, “foi Búzios que levou a gente para o mundo. Tinha muito DJ estrangeiro querendo vir tocar aqui. Então a todo verão tinha gente de fora e clubs internacionais começando a fazer contato. Virou uma vitrine! Acho que sempre tivemos uma dose de irresponsabilidade que foi muito legal. Aquilo de pegar e falar “Vamos!” e encarar o desafio. Sem isso, acho que não estaríamos aqui. E se fosse só isso, também não. [risos]’. Octavio completa: ‘Se a gente não tivesse se profissionalizado e se empenhado em uma gestão moderna e profissional, também não estaríamos aqui’.

Com o passar do tempo, Búzios se tornou um dos destinos mais aclamados no Brasil e o Privilège uma referência do entretenimento. As festas e eventos passaram a atrair para o balneário público de diferentes nacionalidades e regiões do país. A agenda que no início estava concentrada na temporada de verão e principais feriados foi ampliada para programações durante todo o ano, com uma média de realização de mais de 50 eventos anuais. A busca pela constante melhoria se tornou uma diretriz dentro da missão de ‘Encantar as Pessoas’. Atualmente, a estrutura do club é composta por uma pista de dança, três níveis de camarotes, varanda longe, quatro bares e área Vip, com serviços de alimentação e atendimento de garçons.

Sobre essa evolução, Octavio diz que ‘a longevidade do Privilège se deve a toda equipe e estrutura que se mantém orgânica, que se desenvolve ao longo do tempo. Um projeto de entretenimento não pode ser fechado em si. A equipe é muito antenada e não gosta de ser sempre a mesma coisa’. Em 15 anos de história, o Privilège expandiu a atuação da marca para além das barreiras físicas do club, com festas e shows que movimentam o balneário em diferentes locais, o que contribuiu para o crescimento do turismo de eventos da região. Além disso, incorporou novos formatos e ambientações que buscam envolver o público de maneira lúdica e diferenciada.

 

Esse foco na profissionalização e na forma personalização da relação club / cliente renderam à casa o reconhecimento de atrações, clientes e veículos de comunicação.

“Isso aqui não é diversão. Isso é trabalho! A diversão é para o público. O trabalho que diverte e dá prazer deveria ser em todas as profissões, independente da área. Mas, ainda sim, é trabalho e requer muita responsabilidade. Uma delas é a questão da segurança. Temos um grande foco nisso, seja do cliente ou do staff, em todos os sentidos. Temos uma equipe responsável perante a sociedade, que nos reconhece por isso como uma noite salutar. Estamos aqui para fazer entretenimento de qualidade e saudável’.

 

O club recebeu, em 2016, a ‘Medalha Mérito Avante Bombeiro’, considerada a maior condecoração do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro (CBMERJ), pelo compromisso com o cumprimento constante das normas de segurança. Além de prêmios no Brasil e no mundo sobre a qualidade dos eventos realizados pela marca.

É sempre importante ser reconhecido, pois isso passa credibilidade. Todo mundo quer ser reconhecido pelo que faz, mas percebemos se estamos no caminho certo ou não no dia a dia. A gente fica observando como estão as pessoas, se a  galera bacana está aqui e se estamos fazendo um bom trabalho. Diferente de outras áreas, conseguimos olhar nos olhos das pessoas e ver o que o cliente está achando disso. Então, este reconhecimento vem todo do nosso público. Estes prêmios são importantíssimos para chancelar a nossa credibilidade, ainda mais quando vêm de veículos referenciados”, pontua Iuri.

E quantos marcos já vivemos em todos estes anos. Na noite de abertura, com várias presenças ilustres, às noites inspiradas por Ibiza. Da vibe alucinante de Carl Cox às quase 14 horas de set de Vintage Culture. Das várias noites eletrizantes que emendaram manhãs únicas. Dos shows às labels. Cada instante, cada sorriso, cada mão para o alto… são tantos momentos, que é impossível descrever. Na cabine, sentimos as energias de tantos nomes em noites inesquecíveis:

Internacionais:  Carl Cox, Steve Angello, Mauro Picotto,  Pete Tong, Nick Fancciulli, , Infected Mushroom, Layo & Buschawka e Sven Vath Dennis Ferrer, Claptone, Camelphat, Kolombo, Ashibah, Mat.Joe, Camelphat, Loulou Players, Art Department, Amine Edge & Dance, Tube & Berger, Kyle Watson, Sharam, Sharan Jey, Finebassen, Claude Vonstroke, Lee Foss, Phonique, Olivier Giacomotto, Sonny Fodera, Croatia Squad, H.O.S.H., Patrick Topping, Jamie Jones, Dimitri From Paris, Oliver Heldens, Doctor Dru, Solomun, Yves V, Dimitri Vegas & Like Mike, An21, Nicky Romero, Gold Fish, Kaskade, Les Schmitz, Nalaya e Amo e Navas.

Nacionais: Alok, Vintage Culture, Chemical Surf, Dashdot, Cat Dealers, KVSH, Jord, Illusionize, Felguk, Meme, Ask2Quit, Crossover, Mary Olivetti, Paula Pedroza, Leozinho, Liu,  Gabe, Fabrício Peçanha, Anderson Noise, Marcelo CIC, Flow & Zeo, Eli Iwasa, Fran Bortolossi, Gui Boratto, Renato Ratier, Thiago Mansur, Douglas Brandalise, Shark, Bernardo Novaes, Victor Mora, Naza Brothers, João Lee, Renato Cohen, Bruce Leroys, Fabo, HNQO, Leo Janeiro, Diogo Accioly, Glen, Nana Torres, Bruno Be, Bruno Furlan, Volkoder, Tropkillaz, Anna, Wehbba, André Marques, RDT, Gustavo Mota, Gabriel Boni, Marcio Careca, Elekfantz, Amanda Chang, e tantos outros

 

A GRANDE FESTA

 

Dono de noites históricas e famosas manhãs, o Privilège Búzios comemora esses 15 anos de história com uma festa grandiosa no próximo dia 23 de março. Um evento para convidados que promete reunir amigos e pessoas que fizeram parte da trajetória do club. Na cabine: o DJ e produtor alemão, D-NOX, traz toda a experiência de mais de duas décadas nas pick-ups; a brasileira BARJA, com um live set mesclando mixagens e vocais contagiantes; e o residente SANDRO VALENTE, que fica responsável por contar essa história de em música.

 

NOME DO EVENTO: PRIVILÈGE BÚZIOS 15 ANOS

TEMA: QUE OS BONS VENTOS TRAGAM VOCÊ A BÚZIOS: ESSE É NOSSO DESTINO.

DATA: 23 DE MARÇO DE 2019

ABERTURA DO CLUB: 23H

LOCAL: PRIVILÈGE BÚZIOS (Av. José Bento Ribeiro Dantas, 550 – Orla Bardot – Armação dos Búzios) 

Da redação

%d blogueiros gostam disto: